Gordura Visceral/dura x Gordura Subcutânea/mole

Postado por em janeiro 29, 2010 | 91 Comments

⇨ Gordura Visceral/dura x Gordura Subcutânea/mole

NEM TODA GORDURA É IGUAL

A subcutânea é difícil de perder, mas é menos danosa à saúde que a visceral.

gorduras


GORDURA SUBCUTÂNEA

⇨ Acumula-se sob a pele, principalmente no culote, nas nádegas e nas pernas e produz a celulite.
⇨ Células menores, que têm mais facilidade de se multiplicar e são mais sensíveis à insulina.
⇨ Prejudica menos o metabolismo, mas é mais difícil de perder.
⇨ Sua predominância caracteriza a obesidade ‘em formato de pêra’, considerada menos prejudicial à saúde.
⇨ Aparência de ‘gordura mole’, mesmo quando localizada no abdome.
⇨ Mais freqüente em mulheres, mas também pode estar presente em homens.

GORDURA VISCERAL

⇨ Acumula-se nas camadas profundas do abdome, em volta dos órgãos.
⇨ Células maiores, que se multiplicam pouco, mas são mais ativas e afetam o metabolismo.
⇨ Células mais resistentes à insulina.
⇨ É mais fácil de perder.
⇨ Caracteriza a ‘barriga de cerveja’ – mesmo que a pessoa não beba.
⇨ Sua predominância caracteriza a obesidade ‘em formato de maçã’, fator de risco para a saúde.
⇨ Aparência de ‘gordura dura’.
⇨ Mais freqüente em homens, mas também pode afetar mulheres.

 

Arquivado Sob: Duvidas, Nutrição

ROSCA DIRETA: Como fazer correto, duvidas e erros

Postado por em novembro 14, 2009 | 51 Comments


Saiba como executar corretamente esse que é um dos principais exércicios para biceps. Antes vou falar um pouco sobre o que não se deve fazer, poís a maioria dos iniciantes e até mesmo pessoas com alguma experiência nas academia fazem esse exercício incorretamente.

Os principais erros na rosca direta:

* Colocar mais peso do que realmente aguenta. Não adianta nada colocar 30Kg em cada lado e pedir ajuda para os amigos, todo exercício deve ser executado sem ajuda de ninguém e somente com um peso que você realmente aguenta, então tenha bom senso e só coloque o que pode levantar.
* Jogar o peso com as costas. Não vale se inclinar para trás tem que ficar parado!!!!!
* Forçar mais um lado. Cuidado com o tempo isso pode te prejudicar, tente levantar o peso igualmente com as duas mãos.

Bom basicamente ai estão os 3 principais erros, agora vamos ao que interessa.

Como fazer “Rosca direta” corretamente:
Em pé, as costas bem eretas, as barras seguras com as mãos em supinação com um afastamento um pouco superior a largura dos ombros:
- Inspirar e, em seguida, flexionar os antebraços, cuidando através de contração isométrica dos músculos dos glúteos, abdominais e espinhais, para não oscilar o tronco. Expirar no final do movimento.
Este exercício solicita principalmente o bíceps, o braquial e, numa menor extensão, o brauiorradial, o pronador redondo e o conjunto de flexores do punho e dos dedos.
StandingBarbellCurl

 

Arquivado Sob: Execução Correta

Treino Tri-Set de Abdomen com André Pierin

Postado por em outubro 3, 2009 | 36 Comments

Vídeo exclusivo com o atleta André Pierin, realizando um Tri-set para o Abdomen. Experimente você também!

 

Arquivado Sob: Treinamentos

Creatina vs. Álcool

Postado por em fevereiro 3, 2009 | 29 Comments


Álcool vs. Creatina
Saiba quais os efeitos do álcool na hipertrofia muscular e o que acontece quando você consome bebidas alcoólicas durante um ciclo de creatina.

Primeiramente não existem estudos científicos sobre o uso de creatina misturado com o álcool, porém existem pesquisas sobre os efeitos do álcool sobre o corpo e sobre a creatina. Juntando os fatos fica fácil entender se eles se misturam ou não.

Como o músculo cresce ?

Quando você treina com pesos na academia, na verdade você destroí e quebra o tecido muscular. O único motivo para que os músculos fiquem maiores durante o treino é devido ao fluxo sanguíneo e justamente porque o músculo está sendo lesionado(microscopicamente). O aumento do músculo só ocorre durante o descanso, quando ocorre a síntese protéica. A síntese protéica é a produção de novas proteínas musculares. O que ocorre é que durante o reparo muscular você acaba construindo mais do que você danificou durante o treino, e quanto mais você danifica, maior vai ser o “lucro”.

Como a creatina funciona ?

A creatina é produzida naturalmente pelo corpo, no fígado, pâncreas e rins. A creatina também pode ser encontrada em alimentos, como nas carnes vermelhas e peixe. A creatina, de uma forma simples e resumida, ajuda no aumento da ATP que é a energia usada para atividades que exigem movimentos rápidos e explosivos(erguer pesos é um belo exemplo). O nosso corpo mantém uma dose bem limitada de ATP, que é suficiente apenas para alguns segundos de atividade intensa. A partir do momento que os níveis de ATP caem, o músculo fica fatigado. Resumindo: quando você toma creatina, os níveis de ATP são maiores e você ganha mais explosão muscular, conseguindo mais repetições e aumento de carga nos exercícios.

Os Efeitos do Álcool na Construção Muscular

Existem diversos malefícios do álcool quando o assunto é construção muscular, porém os principais são:

- Diminuição da Síntese Protéica
- Diminuição dos efeitos anabólicos da insulina e do hormônio do crescimento
- Diminuição da testosterona(principal hormônio anabólico)

Somando Creatina com Álcool

A creatina por um lado vai propiciar um ambiente anabólico para o corpo, aumentando os níveis de ATP, promovendo um aumento na síntese protéica, permitindo que o seu corpo vá além de seu limite natural, isto além de aumentar os seus ganhos, poderá fazer com que seu corpo libere mais hormônios anabólicos para suprir a demanda. Porém o consumo de álcool vai fazer justamente o contrário: diminuir a síntese e de quebra abaixar os níveis dos hormônios anabólicos em seu corpo. Não é necessário ser um cientista para saber que o álcool vai limitar ou anular completamente os efeitos da suplementação com creatina.

Conclusão

Para maximizar os efeitos anabólicos da creatina é vital evitar o álcool. Tomar creatina e álcool é a mesma coisa que jogar o seu precioso dinheiro no lixo.

Fontes:
1.Kreider, R.B. (2003). Effects of creatine supplementation on performance and training adaptations. Molecular and Cellular Biochemistry, 244, 89-94.
2 American Society for Pharmacology and Experimental Therapeutics. (1999) Alcohol effects on luteinizing hormone and testosterone
hipertrofia.org

 

Arquivado Sob: Artigos, Duvidas, Nutrição, Suplementação

3 Erros básicos em Dietas

Postado por em janeiro 16, 2009 | 33 Comments

1 – Ficar em uma dieta rigorosa por 365 dias por ano

Nem mesmo os profissionais ficam rigorosamente em uma dieta pelo ano inteiro, todos nós somos humanos e temos desejos e necessidades, reprimí-los pode ser mais maléfico do que benéfico. Toda esse desejo e necessidade vai ter que escapar para algum lugar e isto acontece de duas maneiras; 1) Você começa a ter problemas na sua vida pessoal, disturbios de humor, etc…; 2) Você sacia esse desejo de forma descontrolada. Por exemplo: comer grandes quantidades de porcaria de uma só vez em uma recaída. A melhor maneira para evitar isto é fazer o dia-do-lixo, onde você fica firme e forte na dieta durante a semana inteira e em um dia do final de semana você está livre para comer o que quiser, sem peso na consciência. E isto não é dica de revista feminina para mulheres gordinhas, a grande maioria dos fisiculturistas profissionais fazem uso desta prática. Se você usar o dia-do-lixo com bom senso, será quase impossível acumular gordura ou perder massa muscular se alimentando mal em apenas um dia na semana.

2 – Quantidade Incorreta de Calorias

Dois exemplos auto-explicativos:

- Ingestão Muito Alta de Calorias

Uma ingestão alta de calorias aliada a uma dieta rica em proteínas com certeza maximizará o ganho de massa muscular, porém esse descuido pode levar a um aumento no acúmulo de gordura. E este acúmulo pode colocar em risco a sua massa muscular quando chegar a hora de definir, fazer uma dieta com as calorias corretas para ganho de massa muscular pode minimizar o risco de ganhar gordura e caso isto ocorra será muito mais fácil eliminá-lo através de aeróbicos.

- Ingestão Muito Baixa de Calorias

Quanto menos calorias você ingerir mais peso você perde. Porém, é muito importante saber o que você está perdendo, se é gordura ou massa muscular. Ingerindo muito menos calorias do que o seu corpo gasta diariamente com certeza acarretará em perda de massa muscular, isto além de não ser saudável para o corpo, vai fazer com que o seu corpo entre em alerta, o que pode gerar instabilidade no metabolismo, fazendo com que o seu corpo acumule gordura a cada refeição para se manter quando a ingestão das calorias estiver muito baixa. Tente consumir sempre cerca de 500 calorias a menos do que precisa durante o dia para garantir uma forma saudável de perda de peso. Lembre-se: consuma muita proteína para manter o máximo de tecido muscular durante o processo.

3 – Copiar Fisiculturistas Profissionais

É um erro muito comum querer copiar rotinas ou dietas de fisiculturistas profissionais. Faz parte do senso comum das pessoas querer achar os meios que justificam o fim. Vale lembrar que atletas profissionais, “respiram” fisiculturismo 24 horas por dia e tudo o que é realizado em sua dieta ou rotina é supervisionado por médicos e treinadores com vasta experiência no campo, além destes serem patrocinados por empresas de suplementos, e o que eles consomem em capas de revistas ou filmes nem sempre é o que realmente usam em suas rotinas. E mais: utilizar por conta própria suplementos ou complementos vitamínicos com doses astronômicas ou alimentação em quantidade cavalar, pode trazer resultados desastrosos se você não souber o seu estado atual de saúde. Fisiculturistas vivem para isso e sabem muito bem o que estão fazendo.



 

Arquivado Sob: Artigos, Dietas, Nutrição

Older Entries  

Tags

 
Clique Aqui!